Home Curriculo Contato Convênios Hospitais
Home
Curriculo
Contato
Convênios
Hospitais
Doenças
Dúvidas Comuns
Links Recomendados
Artigos Anteriores

Diretrizes no diagnóstico e tratamento do Ca bexiga:

1.     Cistoscopia é a conduta padrão no diagnóstico e acompanhamento do Ca de bexiga.

2.     Investigação do ap. urinário superior deve ser reservada a pacientes de alto risco através de TC.

3.     O diagnóstico definitivo é realizado por meio de RTU sob anestesia 
a.      Biopsiar a base da lesão com pinça de bx.
b.      Biópsias de mucosa vesical só em áreas suspeitas de Cis e na presença de tumores sésseis; biópsias de uretra devem ser realizadas nos casos onde se planeja cistectomia radical

4.     Deve ser realizada uma segunda RTU após 4 ou 6 semanas se o material retirado for insuficiente, se a ressecção for incompleta ou nos casos de pT1 ou de alto grau.

 

Diretrizes no tratamento do Ca superficial e invasivo de bexiga:

Tumores superficiais:

1.     RTU de bexiga é o padrão.

2.     Quimioterapia intravesical, com mitomicina C, em dose única é recomendável imediatamente após a RTU.

3.     Re-RTU, realizada 4 a 6 semanas após, é recomendável em ressecções imcompletas, lesõespT1 ou de alto grau.

4.     Tumores com moderado ou alto risco de recidiva ou progressão, após a RTU, devem ser tratados com terapia intravesical adjuvante, preferencialmente com BCG.

5.     Cistectomia radical poderá ser indicada para tumores superficiais, recidivados, refratários a terapia com BCG e é recomendável nos casos de T1 de alto grau recorrente, principalmente associado a Cis.

Tumores invasivos:

1.     Cistectomia radical com linfadenectomia pélvica é o tratamento recomendado para câncer com invasão da muscular.

2.     Uretrectomia total está indicada em ambos os sexos, durante a cistectomia, quando a margem uretral estiver comprometida na congelação.

3.     Cistectomia parcial pode ser indicada quando bem selecionada em casos específicos.

4.     RTU conjugada a radioterapia e quimioterapia podem ser utilizadas em casos selecionados, como tentativa de preservação da bexiga.

Tumores metastáticos:

O tratamento é a quimioterapia. 

Home | Curriculo | Contato | Convênios | Hospitais
Site Map